Clássicos e decisões

A rodada é de clássicos, e vem num momento crítico do Campeonato Brasileiro. Simplesmente nenhum jogo da rodada pode-se dizer que não valha nada. Talvez Coritiba (7º, 45) x Goiás (8º, 44) seja o de dois times com situações mais definidas.

A briga pela liderança passa por Portuguesa (18º, 28) x Grêmio (1º, 56), mas, primordialmente, por dois outros clássicos: o do Mineirão, com 42 mil ingressos já vendidos, e o do Palestra Itália, num duelo direto entre os dois postulantes tidos como mais ameaçadores ao tri gremista.

Já o Internacional (10º, 43) receberá o Atlético-PR (17º, 28) com o discurso externo de busca pela Libertadores, mas todos sabemos que se trata de uma ótima oportunidade para azeitar a equipe que enfrenta quarta-feira o Boca Juniors, pelas quartas da Sul-Americana.

Duda na frente
Bonita a democracia no Grêmio, sócios discutindo sobre quem é o melhor candidato, bandeiras e faixas de lado a lado. Houve um tempo, e não faz muito, onde este panorama era quase uma utopia pelos lados da Carlos Barbosa. Lá estavam os dois candidatos: Duda Kroeff mais junto de seus pares, Antônio Vicente Martins cumprindo eleitores mais diretamente. Também vi por lá, entre 10:20 e 10:50 da manhã, César Pacheco, Renato Moreira, Antônio Carlos Maineri, Cacalo, entre outros.

Das planilhas dos repórteres que nos perguntavam na fila de entrada em quem pretendíamos votar, foi possível espiar quem estava na frente naquele momento da corrida presidencial. Duda Kroeff levava vantagem na contagem dos 3 repórteres que vieram perguntar qual o meu voto, mais ou menos 60% a 40%. É uma tendência, ainda que inicial; a não ser que a Geral ainda não tenha vindo escolher Vicente e alterar o rumo, que vem indicando vantagem da Chapa 1.

Clássicos
Palmeiras x São Paulo: 276 jogos; 92 vitórias do Palmeiras; 97 vitórias do São Paulo; 87 empates; 363 gols do Palmeiras; 373 gols do São Paulo. Último jogo: São Paulo 2 x 1 Palmeiras, Brasileiro, 13/07/2008.

Atlético-MG x Cruzeiro: 436 jogos; 174 vitórias do Atlético-MG; 146 vitórias do Cruzeiro; 113 empates; 619 gols do Atlético-MG; 551 gols do Cruzeiro. Último jogo: Cruzeiro 2 x 1 Atlético-MG, Brasileiro, 13/07/2008. Cruzeiro invicto há 7 jogos (última derrota em 29/04/2007).

Vasco x Flamengo: 346 jogos; 122 vitórias do Vasco; 133 vitórias do Flamengo; 91 empates; 464 gols do Vasco; 477 gols do Flamengo. Último jogo: Flamengo 3 x 1 Vasco, Brasileiro, 13/07/2008. Flamengo invicto há 5 jogos (última derrota em 25/03/2007).

Sport x Náutico: 483 jogos; 190 vitórias do Sport; 163 vitórias do Náutico; 129 empates; 668 gols do Sport; 618 gols do Náutico. Último jogo: Náutico 0 x 2 Sport, Brasileiro, 13/07/2008. Sport invicto há 3 jogos (última derrota em 23/09/2007).

Hasta mañana
Voltaremos no domingo à tardinha, com os comentários sobre Portuguesa x Grêmio e o restante da rodada, além, claro, do resultado das eleições que definirão o presidente tricolor para o biênio 2009/10.

Comentários

Amengual disse…
A ortuguesa colocou o Grêmio no bolso. Sem criatividade, sem jogadas pelas laterais, sem chute a gol. Um jornada melancólica do tricolor. Não dá para entender a preferência por orteman, que sempre quando entra não joga nada. Hoje foi demais. Uma ds piores partidas que eu vi um jogador fazer. Perdemos uma bela oportunidade de abrir vantagem. Eses pontos farão muita falta na sequência do campeonato. O campeão será quem perde menos pontos par os times pequenos.